Das coisas que vivem

Aroldo é o nome da suculenta que me faz companhia na mesa do escritório. Desconheço o nome científico e botânico dessa planta, que carinhosamente chamo de planto, mas posso dizer que ele é um pedaço de vida verde, lutando para sobreviver em um ambiente hostil. Assim como eu. Quer dizer, eu não sou verde, mas sou…

Ler mais

UTI

A alma do mundo está doente. Sinto pela respiração fraca, ofegante e forçada da Terra, pelos gritos de desespero que ecoam pelos bairros de classe média (abafados por travesseiros, calmantes, antidepressivos), pelo sangue que tinge as águas dos rios e oceanos. O planeta chora, assim como cada um de nós. A grande rocha azul que…

Ler mais

O que o medo nos rouba

O medo é um grande ladrão de sonhos e planos. Nos puxa pelas pernas, nos prende ao chão com seus grilhões escuros e pegajosos. Faz morada e se prolifera em nossos corações e pensamentos, se alimenta de tudo o que é frágil e inocente. O medo nos rouba de nós, nos impede de viver em…

Ler mais

Coisas para se fazer enquanto o emprego não vem

Trabalhar é uma delas, é claro! Há quase um ano, fui demitida de um emprego que me propiciou uma situação financeira estável por cinco anos. O salário era razoável, no sentido pejorativo da palavra. Ainda assim, era certo que ao fim de todos os meses ele estaria lá, transformando em azul o saldo negativo da…

Ler mais

Feminismo: coisa de mulher

*Feminista: pessoa que acredita na igualdade política, social e econômica dos sexos.  Ser feminista, para mim, não é uma opção. É necessidade, é algo obrigatório. Essa é a certeza que tenho ao acordar todos os dias e perceber que, apesar de todos os avanços e conquistas das mulheres ao longo dos séculos, como o direito…

Ler mais