Nova Ordem Mundial e Conspirações

Acredito que todos os seres humanos que vivem no século XXI já ouviram falar no termo “Nova Ordem Mundial”. Aliás, essa frase já foi dita por muitos governantes, entre eles o ex-presidente dos EUA, George W Bush. Existem infinitas fontes de informação disponíveis na Internet e em publicações editoriais, embora tais fontes não sejam assim tão confiáveis. O que é inegável é que esse tema desperta muita curiosidade, ainda que para os céticos isso não passe de uma grande viagem na maionese.

Mas o que significaria essa tão temida e anunciada nova ordem das coisas?

O olho que tudo vê é o principal símbolo dos Illuminati
O olho que tudo vê é o principal símbolo dos Illuminati

Bem, antes de mais nada, preciso confessar que eu me incluo no rol de pessoas que acreditam nas teorias conspiratórias acerca desse tipo de governo que será o fim do mundo como o conhecemos. Não necessariamente o fim, no sentido de que tudo irá acabar, mas o estabelecimento de uma maneira de viver e pensar que derrubará todos os conceitos que existem e que admitimos como bons e verdadeiros, especialmente à luz da moral judaico-cristã. Será um governo mundial, que controlará a todos no melhor estilo big brother, e que anunciará um novo deus, uma nova religião baseada na divindade do homem, onde tudo será relativo e permitido, para o bem ou para o mal.  Como cristã e leitora da Bíblia, eu acredito que haverá o Apocalipse, o qual talvez não presenciaremos em nossa passagem pelo mundo, ainda que muitas de suas profecias pareçam estar se cumprindo – o que é bem assustador. Seja como for, a principal implicação dessa Nova Ordem Mundial será a ausência das fronteiras e a promessa de que eu e você seremos deuses, principalmente com o crescimento do transumanismo.

De acordo com as teorias da conspiração, existem grupos de pessoas – mais especificamente, os Illuminati – que já estão orquestrando a implementação dessa nova ordem há séculos, ou até mesmo há milênios, com o intuito de conservar a riqueza nas mãos de poucos e manter uma grande parcela da população trabalhando, quase em regime escravo, para que esses poucos continuem cada vez mais ricos. Essa suposta sociedade secreta, formada pelos homens mais poderosos da Terra, possui a influência política e econômica necessária para mover os pauzinhos, digamos assim, rumo à criação desse governo único mundial. Muitos teóricos, entre eles o Alex Jones, idealizador do site Info Wars, afirmam que nas reuniões do grupo Bilderberg as pessoas mais influentes, ricas e poderosas do mundo decidem o futuro e o destino da humanidade, a portas fechadas, e tendo em vista os interesses econômicos de suas famílias, de seus bancos, e de suas indústrias.

Esse tipo de teoria não me parece absurda, se levarmos em conta que essa reunião realmente existe e que dela participam muitos líderes de governos importantes. Com o advento da globalização, o aumento da influência da ONU e de outras organizações mundiais, além da formação dos conglomerados de países e indústrias (que beiram o monopólio), a possibilidade de um governo único mundial tem se tornado bem presente, para não dizer atraente aos olhos de muitos.

Porém, como seria esse governo? Alguns especulam, e inclusive o Apocalipse profetiza sobre isso, que haverá um período de trevas, algo como uma terceira guerra mundial (talvez nuclear), que levará os países à falência e os obrigará a ceder à sedução de um governo único, que prometerá a solução de todos os problemas.

As conspirações misturam geopolítica e espiritualidade para responder a essa pergunta. Através da prática de rituais ocultistas, esses grupos e sociedades secretas adquirem conhecimentos e poder, conjurando entidades capazes de revelarem segredos de iluminação e dominação mundial. Ao que parece, seremos obrigados a aderir a uma nova religião sincretista e global, que envolve a adoração de deuses pagãos e até mesmo do próprio capiroto.

Existe um clube exclusivo chamado Bohemian Grove, no qual, anualmente, se reúnem milhares de membros que são banqueiros, influentes donos de indústrias, políticos e celebridades, e que participam de um ritual bizarro chamado Cremation of Care. Nesse rito, eles invocam um deus antigo e “encenam” um sacrifício humano – que eu não duvido que seja muito mais que uma encenação.

Além dos Illuminati e do Bohemian Grove, temos a ordem dos Maçons, que sempre esteve cercada de mistérios e boatos. Alguns teóricos da Nova Ordem Mundial acreditam que a maçonaria será responsável pelo surgimento do Anticristo, que será o cabeça deste novo governo, e que nos transformará em zumbis adoradores de Lúcifer.

Embora essas influências ocultas e tais rituais estranhos sejam capazes de povoar nossa imaginação e dar margem a especulações sobre os motivos pelos quais as pessoas influentes se dignam a participar dos mesmos, o que mais me assusta é um livro chamado “The New World Order”, de S.Z. Batten. Escrito em 1919, o livro traz reflexões acerca do pós-guerra e de como o mundo poderia ou deveria ser reconstruído. É incrível como quase tudo o que o autor “prevê” no livro tornou-se realidade nos dias de hoje, desde a globalização até a crise das religiões. Acho bem difícil ser apenas uma coincidência…

Vejam, tem muita coisa absurda e realmente ridícula rolando por aí no que diz respeito a essas teorias, e eu não acredito em todas. No entanto, é muito interessante analisarmos os desdobramentos recentes à luz dessa possibilidade. Cada vez mais o nosso mundo está rumando para o colapso e vivemos tensões diplomáticas entre países que possuem capacidade bélica para acabar com todo o planeta. Estamos bem acostumados à ameaça da falta de recursos básicos, como a água, os alimentos e remédios. Embora a tecnologia tenha avançado muito, ela parece trabalhar apenas a favor dos que têm dinheiro. A nossa ação no planeta está transformando todos os ecossistemas, levando ao desequilíbrio, o que também pode causar uma catástrofe global sem precedentes. Em resumo, o fim parece estar realmente cada vez mais próximo.

Acredito que todos deveríamos refletir sobre as possibilidades anunciadas pelas teorias da conspiração. Ou ao menos conhecê-las. E, se um dia essas teorias se mostrarem verdadeiras, pelo menos teremos as armas para resistir a esse governo, se assim desejarmos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s